Rio Negro

Mãe pede ajuda para sustentar filhos, um deles com esquizofrenia

Dona Maria Pimentel depende da carona da prefeitura para visitar filho hospitalizado. Ônibus vai até Curitiba, o transporte até Piraquara fica por conta da família

 

Aos 54 anos, Maria Eunice Godoy Pimentel tem uma dura tarefa pela frente – sustentar a família com pouco mais de R$ 600 por mês. A única renda da família é a aposentadoria do marido, é salário mínimo, mas, o pagamento de um empréstimo descontado em folha leva boa parte da renda.

 

Com o dinheiro que sobra a família precisa pagar as contas, comprar remédios e ainda separar algumas economias para viagens, isso porque, um dos filhos de dona Maria, com 31 anos, está internado no Hospital Sam Julian, em Piraquara/PR. O jovem sofre de esquizofrenia é precisa acompanhamento da mãe pelo menos uma vez na semana.

 

Além do filho, o marido também está acamado. Clovis Pimentel, tem 77 anos e sofre de várias doenças que chegaram com a idade, entre elas, mal de Parkinson. O filho mais novo do casal e sua namorada, ambos com 16 anos, também residem na mesma residência. A jovem está no terceiro mês de gravides.

 

“Meu filho mais novo também está desempregado, e até o momento não conseguiu um emprego de carteira assinada, faz alguns bicos para a vizinhança. Precisamos de tudo, do enxoval para o bebê a comida. Nossa sorte é que não pagamos aluguel. Não sei mais o que fazer, a não ser pedir ajuda”, diz.

 

Serviço

Doações diretamente com a família.

Em Rio Negro, Rua Willy Bucher, 120, Passa Três (ao lado da Salete Presentes)

(47) 98483-6003 / 98828-2615

 

Publicidade

 

VER PRIMEIRO

Agora, que tal seguir o nosso Twitter e curtir a nossa página no Facebook? Para que você possa continuar acompanhando os melhores posts sobre Rio Negro e Mafra, diariamente, em suas redes sociais.