Após uma semana internado, morre professor de educação física atropelado na Penha

O mafrense Eduardo Assis estava em um ponto de ônibus quando foi atropelado por veículo conduzido por um motorista embriagado.

Foto: Divulgação

 

Continua após a Publicidade

Continua após a Publicidade

 

O professor de educação física Eduardo Assis, de 27 anos, morreu na noite deste sábado (4), no Hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí.

 

Ele estava internado em estado grave há uma semana, desde que foi vítima de um acidente de trânsito na praia de Armação, na Penha.

 

Natural de Mafra, Eduardo havia se mudado recentemente para o litoral catarinense.

 

Ele estava em um ponto de ônibus na noite de sábado (27), na avenida Antonio Joaquim Tavares, quando foi atropelado por um Honda e sofreu politraumatismos.

 

Também estavam no local dois outros homens, um de 42 anos que morreu na hora e um de 43 que ficou ferido, mas passa bem.

 

Foto: Corpo de Bombeiros da Penha/Divulgação

 

O acidente

Segundo informações do jornal Diarinho, após a batida, o motorista estava embriagado e fugiu do local. A esposa dele e uma criança ficaram no local até a chegada da polícia.

 

De acordo com relatos de testemunhas, dois ocupantes de uma motocicleta perceberam que o motorista do carro estava alcoolizado e tentavam fazê-lo parar o carro, iniciando uma perseguição. O motorista acelerou ainda mais o carro e causou a tragédia.

 

Ele se apresentou à delegacia de Polícia Civil junto de seu advogado logo após o término do prazo que configura uma prisão em flagrante, e por esse motivo não foi preso. O caso está sendo analisado pela Justiça.

 

As informações de velório e sepultamento ainda não foram divulgadas pelos familiares.

 

Foto: Corpo de Bombeiros da Penha/Divulgação

 

Com informações do Diarinho.