Momento RMix: Paraná lembra Dia de Combate ao Feminicídio nesta quinta

O que é destaque em Rio Negro, Mafra, Itaiópolis e região, você confere no Momento RMix.

Continua após a Publicidade

Continua após a Publicidade

 

– O Tribunal Superior do Trabalho reverteu a demissão por justa causa de uma funcionária que faltava ao trabalho para amamentar a filha em Mafra. Por unanimidade, os ministros entenderam que a empresa cometeu ilegalidade ao não fornecer local apropriado para a amamentação. A funcionária foi despedida por justa causa por “faltas injustificadas”, antes que a filha completasse seis meses de idade.

 

– O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente de Rio Negro publicou edital, convocando entidades para o processo eleitoral de conselheiros de Direitos da Sociedade Civil para o triênio de 2021 a 2024. A votação acontece em 28 de julho. Serão destinadas CINCO vagas para compor o CMDCA e cada entidade deverá indicar um representante titular e um suplente.

 

– E nesta quinta-feira, 22 de julho é comemorado no Paraná o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio. A data foi sancionada em 2019 e tem como objetivo incentivar e unificar ações de prevenção à violência contra a mulher. A promotora de Justiça Roberta Franco Massa, do Ministério Público do Paraná, explica a importância da data