Matriz de Risco: Mafra e Itaiópolis voltam ao risco grave para a covid-19

Na semana passada, o Planalto Norte havia sido classificado como nível gravíssimo (cor vermelha).

Imagem: Secom/Divulgação

 

Continua após a Publicidade

Continua após a Publicidade

 

A Matriz de Risco Potencial divulgada neste sábado (11) pelo Governo de Santa Catarina mostra que somente a região Nordeste está classificada com risco gravíssimo (cor vermelha) para covid-19.

 

Mafra e Itaiópolis, junto com todo o Planalto Norte, voltaram para o nível grave (cor laranja). Outras seis regiões também apresentam risco grave. Oito estão em risco potencial alto (amarelo).

 

A capacidade de atenção permanece sendo o destaque positivo da avaliação, com apenas as regiões Nordeste, Planalto Norte e Xanxerê tendo nota máxima de risco.

 

Todas as outras estão em níveis mais baixos. Por outro lado, os índices de monitoramento e gravidade são mais preocupantes, pois trazem todas as regiões em níveis altos, graves ou gravíssimos de atenção.

 

As regiões em risco alto são Alto Uruguai Catarinense, Alto Vale do Itajaí, Alto Vale do Rio do Peixe, Extremo Oeste, Foz do Rio Itajaí, Grande Florianópolis, Meio Oeste e Serra Catarinense.

 

Já as em risco grave são Carbonífera, Extremo Sul, Laguna, Médio Vale do Itajaí, Oeste, Planalto Norte e Xanxerê.

 

Com informações da Secom/SC.