Projeto Aysú promove mutirão de limpeza nas margens do rio Negro

População pode se inscrever até amanhã (15). As vagas são limitadas a 100 voluntários.

Foto: Prefeitura Municipal de Mafra

 

Continua após a Publicidade

Continua após a Publicidade

 

As prefeituras de Mafra e Rio Negro lançaram o Projeto Aysú, que vai reunir entidades e voluntários neste sábado (18) para um mutirão de limpeza nas margens do rio Negro.

 

O Projeto Aysú, que significa amor em tupi-guarani, tem o objetivo de conscientizar a população riomafrense a preservar o rio que divide os municípios e realizar o descarte correto de resíduos.

 

Para ser um voluntário, se inscreva neste link até amanhã (15). As vagas são limitadas a 100 voluntários, em decorrência da pandemia.

 

O mutirão ocorre das 8 às 12 horas. O local de encontro e retirada de kits será a Praça Ferroviário Miguel Bielecki, em Mafra.

 

Serão trabalhadas as duas margens do rio, com voluntários fazendo o percurso por terra, da Ponte dos Peixinhos seguindo até a Vila Solidariedade e outros pelo leito do rio, com caiaque.

 

Para a participação, é necessário ter mais de 16 anos e estar munido de máscara. É recomendado levar luvas higiênicas para evitar contato direto com os resíduos, além de água, repelente, protetor solar, boné e óculos de sol.

 

No local, serão disponibilizados kits para todos os participantes inscritos, com camiseta, frutas, adesivo e sacos de lixo para a coleta.

 

A limpeza das margens e leito do rio Negro será uma das duas ações previstas no projeto. A segunda ocorre no dia 21, com o plantio de árvores nativas para recomposição da mata ciliar.

 

A limpeza das margens do rio ocorrerá nos dias que antecedem a chegada da primavera, no terceiro sábado do mês de setembro, quando é celebrado o Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias; e será mantido no calendário de eventos dos municípios.